05 Abr 2016 590
Clube do Sono
#clubedosono #dicas

Sabiam que, quando não existe luz natural suficiente, 5 a 20% da população mundial desenvolve sintomas de insónias e depressão? 

É mesmo verdade: a falta de luz aumenta a necessidade de passarmos mais tempo na cama, afeta a nossa energia, o nosso apetite e até o nosso humor. 

Apesar de ser mais comum nos países nórdicos — no inverno, as noites são muito compridas e os dias muito curtos — a falta de luz do sol interfere com o nosso ciclo de sono, também conhecido por ciclo circadiano. 

Vamos descobrir como?

O sono e o ciclo circadiano

Podem não ter consciência, mas o nosso organismo tem uma espécie de relógio interno que nos avisa quando é altura de dormir e de acordar. 

Esse relógio controla os ritmos do corpo, incluindo a temperatura, o estado de alerta e o comportamento das hormonas.

Alguns dorminhocos podem sofrer distúrbios relacionados com o tal ciclo circadiano, o que faz com que o seu horário natural do sono seja mais importante do que todas as outras atividades do dia a dia, como comer e trabalhar.

“Toca a sair da cama”, diz o sol.

Como é ativado este relógio biológico? Pela exposição à luz brilhante, como é o caso da luz solar. 

É aqui que entra a cura para essa "troca” no horário biológico. A exposição à luz intensa, a chamada Terapia da Luz, é um método antigo, usado para tratar as pessoas com distúrbios no ritmo natural do sono.

A Terapia da Luz

Conseguem imaginar como será ter o relógio biológico todo trocado e a funcionar a horas diferentes do das outras pessoas? Sabemos que é muito bom passar o dia inteiro na cama — mas ao fim de alguns dias, esta troca de horários acaba por interferir inevitavelmente com o nosso dia a dia.

Depois de expostos à Terapia da Luz, os pacientes terão adquirido um padrão de sono muito mais saudável, ajustado ao momento certo. 

Como funciona esta terapia à base de luz? Ora, se a luz do sol não vem até nós, temos de ir atrás dela! É uma terapia restauradora, segura e confortável que expõe os nossos olhos a uma luminosidade intensa — e segura para a saúde.

O resultado é brilhante: esta luz artificial vai interferir com o relógio biológico da mesma maneira que a luz do sol o faz, "acertando” o ritmo do corpo. 

Ficaram curiosos com o efeito da Terapia da Luz? Esta e outras medicinas alternativas para curar o sono podem ser o remédio que tanto precisam — e nem precisam de recorrer a medicamentos.

Gostar Partilhar