05 Mai 2016 301
Clube do Sono
#clubedosono #dicas
As coisas que fazemos na primeira hora depois de acordar têm mais influência no nosso humor, produtividade e energia do que inicialmente aparenta.

Para se assegurarem que o vosso merecido descanso não é atirado janela fora, vejam quais os erros mais cometidos na hora de acordar.

1. Não ter uma rotina matinal definida

Levantar, ir à casa de banho, tomar o pequeno-almoço, vestir, sair de casa.

Apesar da sua monotonia, a rotina matinal é mais útil do que aparenta. Quando temos as tarefas da manhã automatizadas, poupamos energia cognitiva que, caso contrário, seria gasta a tomar decisões sobre a nossa manhã.

Assim, poupamos a cabeça e quanto acordamos do piloto automático, estamos com a energia no máximo para durar o dia inteiro.

2. Ceder à tentação do snooze

Há quem defenda que o primeiro snooze de 10 minutos é um deleite – a pessoa sabe que já se devia ter levantado, mas os 10 minutos extra na cama parecem saber tão bem quanto as horas de sono dessa noite todas juntas.

Mas o que dizem os especialistas é que o snooze, por princípio, é uma má prática.

Se dormimos horas suficientes, o primeiro alarme é o momento ideal para nos levantarmos, pois surge no final do ciclo de sono – a fase em que estamos em vias de acordar naturalmente.

Quando acordamos com o primeiro alarme, mas ficamos na cama, o ciclo de sono reinicia e o alarme do snooze, que toca 10 minutos mais tarde, interrompe este "segundo sono” numa má altura, o que pode resultar numa manhã muito mal-humorada…!

3. Ficar enrolado na cama

O melhor quando se acorda é levantar-se de imediato e alongar os músculos.

Esticar as pernas e o tronco é uma forma muito simples e eficaz de energizar o corpo e ganhar confiança para enfrentar o dia.

4. Ler e-mails e ir ao Facebook

A tendência é grande, até porque muitos dormimos com o telemóvel na mesa-de-cabeceira, mas deve-se evitar ler os e-mails e o feed de notícias do Facebook ou outras redes sociais assim que acordamos.

Esta regra é importante por duas razões.

Por um lado, rapidamente perdemos mais tempo do que o que tínhamos planeado; quando damos por nós, ficámos no Facebook mais 15 minutos do que o planeado e começamos logo o dia sob stress.

Por outro lado, é uma atividade que exige algum esforço mental, o que se traduz num gasto de energia logo de manhã e que afeta a nossa produtividade ao longo do dia.

5. Tomar café

Há quem já esteja tão habituado a tomar o café assim que se levanta que já não se consegue manter acordado sem esta dose de cafeína.

No entanto, o que dizem os especialistas é que o café matinal, apesar de nos dar um impulso de energia, reduz a produção de cortisol – a hormona responsável por energizar naturalmente o nosso corpo em situações de stress.

O que se recomenda é que o café seja tomado a partir da segunda metade da manhã, como reforço à nossa energia natural, e não como substituto.

6. Arranjar-se no escuro

Para além de corrermos o risco de vestir a roupa do avesso sem darmos conta, arranjarmo-nos no escuro faz-nos querer passar mais tempo na cama.

Isto acontece porque o nosso corpo interpreta a falta de luz como se ainda fosse de noite e regula o organismo para voltar a adormecer até que seja de dia.

Se tem dificuldade em levantar-se de manhã, experimente dormir com os estores subidos para que entre alguma luz solar.

7. Deixar a cama desfeita

Apesar de ser benéfico deixar a cama respirar durante pelo menos 30 minutos, é saudável fazer a cama de manhã: o sentimento de realização após terminar uma tarefa com sucesso dá-nos motivação para concluir outras tarefas e pode servir como ponto de partida para um dia cheio de energia!

Após acordar, façam a vossa rotina matinal e terminem fazendo a cama antes de sair de casa – é a forma ideal de começar um bom dia.
Gostar Partilhar