09 Jan 2017 606
Clube do Sono
#adoroaminhacama #clubedosono

O termo workaholic diz-vos alguma coisa? Foi criado para descrever aquelas pessoas que passam a maior parte do dia a trabalhar e que se costumam esquecer que há outras coisas mais importantes na vida. 

E como bons dorminhocos que somos, sabemos que uma das melhores coisas da vida é, sem dúvida alguma, dormir — muito e bem.

Quando passamos demasiado tempo a trabalhar, as horas de sono são as primeiras a sofrer. No entanto, se os estudos científicos indicam que o nosso desempenho físico e mental depende de uma boa noite de sono, porque é que o descanso é sempre o primeiro a ser cortado?

A importância de dormir bem para ser mais produtivo

Não há nada como uma boa noite de sono para acordarmos como novos. Quando deixamos de dormir para estudar ou para trabalhar até mais tarde, estamos a deixar que os problemas do dia a dia atrapalhem o nosso precioso descanso. E isso tem consequências.

Dormir bem não só é essencial para a saúde e para o conforto, mas também para a execução das pequenas tarefas do dia a dia. 

E se dormir mal durante uma noite não afeta diretamente a saúde, essa falta de sono será notada no dia seguinte. Querem apostar?

O que acontece quando dormimos pouco?

O humor, a paciência para lidar com problemas e a produtividade são os primeiros a serem afetados pela falta de descanso. A seguir vem a sensação de irritação, o cansaço, a instabilidade e claro, a cabeça a cair para cima do teclado do computador.

Os efeitos de uma noite em branco são muitas vezes comparados aos de uma ligeira embriaguez: a coordenação motora é prejudicada e a capacidade de raciocínio fica muito abaixo das expectativas. Contas simples como 1 + 1 podem-se tornar verdadeiros quebra-cabeças matemáticos.

Acreditem no que vos dizemos: se querem ser promovidos no vosso local de trabalho, fazer noitadas e cortar nas horas de descanso pode não ser a melhor opção. Durmam o número de horas adequadas à vossa idade e às vossas necessidades e vejam a vossa produtividade aumentar significativamente no trabalho.

Gostar Partilhar